ACESSIBILIDADE MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE TAMANHO DA FONTE:
  • A+
  • A
  • A-

POSTADO EM 25 fev 2013 · Meio Ambiente

Córrego Santa Rita

O Secretário do Meio Ambiente de Vianópolis, Hugo Antônio Borghi foi entrevistado por nossa reportagem e apresentou o resultado da análise feita pelo Laboratório da Saneago das amostras de água do Córrego Santa Rita, onde centenas de peixes morreram no inicio deste mês.

 

Diversas hipóteses foram levantadas sobre as causas da mortandade de peixes no Córrego Santa Rita e em criatórios de peixes de dois proprietários rurais.

 

Buscando esclarecer a mortandade de peixes, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente fez a coleta de água em diversos pontos do córrego e a análise foi feita pelo Laboratório da Saneago.

 

Entrevistado por nossa reportagem, o Secretário Municipal do Meio Ambiente, Hugo Antônio Borghi afirmou que o resultado mostrou excesso de resíduos graxos na água, baixando consideravelmente a oxigenação, provocando a morte dos peixes no inicio deste mês.

 

Hugo Antônio Borghi disse que a análise feita pela Saneago mostrou que não foram detectados resíduos de defensivos agrícolas, conforme algumas pessoas suspeitaram.

 

Fonte: Correspondente Vianopolino